Escola Itinerante reinicia atividades em 2018

Simultâneo às comemorações do Dia Internacional da Mulher, a Escola Judicial (EJ6) do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-PE) reinicia, nesta quinta-feira (8), as atividades do projeto Escola Itinerante, com aulas sendo realizadas, a partir das 9h, em Nazaré da Mata. Lançado no ano passado, o projeto segue colhendo bons frutos. Em 2017, foram contabilizados quase 800 capacitados, entre magistrados, servidores, advogados e estudantes, oriundos dos polos de formação do Agreste e do Sertão do Estado.

Depois de realizar pesquisas qualitativas junto aos participantes, a EJ6 reafirma, neste ano, o seu compromisso de aproximar-se dos magistrados e dos servidores lotados em unidades judiciárias distantes da Capital. Para isso, resolveu aumentar o número dos pólos de formação, que este ano chegam a sete cidades. Além de Caruaru, Pesqueira, Serra Talhada, Araripina e Petrolina, foram incorporados os municípios-polo de Nazaré da Mata e de Palmares, contemplando, assim, as Zonas da Mata Norte e Sul de Pernambuco.  

Dentro da máxima “time que está ganhando, não se mexe”, o aludido projeto mantém o mesmo desenho do ano passado, onde são estabelecidas parcerias locais com a OAB, AATP e instituições de ensino superior em cada cidade visitada. As ações formativas presenciais continuam contemplando preferencialmente os magistrados e servidores das varas do interior do Estado, mas também podem ser abertas vagas para advogados e estudantes locais. 

Em 2018, serão quase 30 varas atendidas pelo projeto, envolvendo mais de 19 instrutores, todos juízes e servidores do Regional, e que vão ministrar os seguintes cursos: Lançamentos no PJe e suas repercussões no e-Gestão; Formação de calculista – Módulo 1; A lei 13.467/17 e as repercussões na atuação do oficial de justiça; Reforma Trabalhista: Processo do Trabalho; Elaboração de despachos; Procedimentos de jurisdição voluntária: homologação de acordo extrajudicial e arbitragem; PJe-Calc; Ferramentas Google e AVA; Despachos na execução; Novas modalidades contratuais; Atualização em direito material e processual do trabalho à luz 13.467/17 e MP 808/17; Alterações e inovações nas súmulas e orientações jurisprudenciais do TRT6 e TST; Formação de calculista - Módulo 2; PJe e o uso da tecnologia na atuação do Oficial de Justiça; Reforma Trabalhista: Direito Material e Processual do Trabalho à luz 13.467/17 e MP 808/17 - alterações e inovações. 

Informações adicionais, na agenda de cursos da Escola Judicial.

Texto: Gutemberg Soares