Com o ideal de dar mais efetividade à Justiça do Trabalho, Valdir Carvalho toma posse na Presidência do TRT-PE

Novos dirigentes: Valdir Carvalho (presidente) (c.), Dione Furtado (vice-presidente) e Clara Saboya (corregedora)

Durante o próximo biênio (2019-2021), a Administração do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-PE) será comandada por novos dirigentes. Em cerimônia realizada na noite dessa quinta-feira (7), na Arcádia Recepções, no Recife, os desembargadores Valdir Carvalho, Dione Furtado e Clara Saboya assumiram, respectivamente, os cargos de presidente, vice-presidente e corregedora regional.

A solenidade também incluiu a posse da nova ouvidora e vice-ouvidor, desembargadores Virgínia Malta Canavarro e Ruy Salathiel, e do novo diretor e vice-diretora da Escola Judicial (EJ6), desembargadores Ivan Valença e Eneida Melo. O evento marcou, ainda, o encerramento do mandato do desembargador Ivan Valença à frente da Presidência do Regional, no período 2017-2019, que, em seu discurso, agradeceu aos magistrados, servidores e familiares pelo apoio e incentivo durante sua gestão.

Os novos dirigentes prestaram juramento de desempenhar com retidão as funções do cargo, cumprindo fielmente a Constituição da República e as leis brasileiras, assinando, em seguida, o termo de posse, lido pela secretária do Tribunal Pleno, Karina Lustosa. Depois, desejando felicidades e sucesso aos novos dirigentes, fizeram uso da palavra a desembargadora decana do Regional, Eneida Melo; a presidente da AmatraVI, juíza Laura Botelho; a procuradora-chefe do MPT-PE, Adriana Gondim; e o presidente da OAB, Bruno Baptista.  

Como 29º presidente do Regional, o desembargador Valdir Carvalho abriu seu pronunciamento com uma passagem do poeta modernista Fernando Pessoa: “Trago dentro do meu coração, como num cofre que se não pode fechar de cheio, todos os lugares onde estive, todos os portos a que cheguei, todas as paisagens que vi através de janelas ou vigias, ou de tombadilhos, sonhando, e tudo isso, que é tanto, é pouco para o que eu quero”. Lembrou o momento de sua posse no Tribunal, conduzida pelo desembargador aposentado Pedro Paulo Nóbrega, que considerou, na ocasião, a chegada do novo membro como significativa e relevante para a corte, devido a sua experiência na advocacia e na atuação ministerial, trazendo oxigenação e renovação, por suas realizações e notável conhecimento jurídico.

Em discurso, presidente Valdir Carvalho citou Fernando Pessoa e Luís de Camões

“Nestes quase 17 anos, todas as escolhas que fiz como desembargador, além daquelas como advogado e procurador, foram direcionadas para o ideal de fazer a Justiça do Trabalho cada vez mais efetiva, próxima e permeável à sociedade brasileira. Espero não decepcionar meus ilustres pares pela confiança em mim depositada ao me elegerem para o exercício desta desafiadora missão. De tudo farei para desempenhá-la, convicto de que não me faltarão coragem e disposição”, discorreu o magistrado.

Fazendo menção às desembargadoras Dione Nunes e Clara Saboya, o novo presidente comentou que assume o cargo com tranquilidade, sabendo que ao seu lado na gestão terá duas colegas comprometidas, que se dedicarão, com perseverança, às suas respectivas áreas de atuação, buscando sempre o melhor entendimento aos jurisdicionados.

O desembargador Valdir Carvalho teceu elogios ao colega ex-presidente, Ivan Valença, e agradecimentos aos novos diretores da Escola e ouvidores, magistrados, servidores e familiares, assim como a sua equipe de gabinete, cujos nomes fez questão de elencar. Pela importância e lições aprendidas, fundamentais para sua carreira, prestou especiais congratulações aos falecidos ex-presidentes do Regional Josias Figueiredo e Francisco Solano. Encerrando seu discurso, dedicou poema de Luís de Camões à sua esposa, Glória Carvalho: “Extremos são de amor os que padeço, ó humano tesouro, ó doce glória; e se cuido que acabo então começo. Assim, te trago sempre na memória; nem sei se vivo, ou morro, mas conheço, que ao fim da batalha é a vitória”. 

Des. Ruy Salathiel e desa. Virginia Canavarro são o novo vice-ouvidor e nova ouvidora

Novos diretor e vice-diretora da EJ6, des. Ivan Valença e desa. Eneida Melo

A mesa de honra da solenidade foi composta pelos desembargadores do TRT-PE Valdir José Silva de Carvalho, Dione Nunes Furtado da Silva, Maria Clara Saboya Albuquerque Bernardino, Eneida Melo Correia de Araújo, Gisane Barbosa de Araújo, Virgínia Malta Canavarro, Ivan de Souza Valença Alves, Nise Pedroso Lins de Sousa, Ruy Salathiel de Albuquerque e Mello Ventura, Maria do Socorro Silva Emerenciano, Sergio Torres Teixeira, Fábio André de Farias, Paulo Dias de Alcantara, Maria das Graças de Arruda França, José Luciano Alexo da Silva, Eduardo Pugliesi, Ana Cláudia Petruccelli de Lima e Solange Moura de Andrade.

   

Desembargadores do TRT-PE e outras autoridades compuseram mesa de honra

Também compuseram a mesa de honra o presidente do TST, ministro João Batista Brito Pereira; o governador do Estado de Pernambuco, Paulo Câmara; o presidente da Assembleia Legislativa (Alepe), deputado Eriberto Medeiros; o vice-presidente do TJPE, desembargador Cândido Moraes (representando o presidente, desembargador Adalberto Melo); o vice-presidente do TRE-PE, desembargador Stênio Coêlho (representando o presidente, desembargador Agenor Lima Filho); o prefeito da Cidade do Recife, Geraldo Júlio; o presidente do TRF5, desembargador Manoel Erhardt; o presidente do TCE-PE, conselheiro Marcos Loreto; a presidente do TRT23(MT) e do Coleprecor, desembargadora Eliney Veloso; a presidente da AmatraVI, juíza  Laura Botelho; a procuradora-chefe do MPT-PE, Adriana Gondim; o presidente da OAB-PE, Bruno Baptista; o secretário do Trabalho do Distrito Federal, João Passos (representando o governador, Ibaneis Rocha); o comandante do Comando Militar do Nordeste, general Marco Freire; a diretora de Cidadania e Direitos Humanos da Anamatra, juíza Luciana Conforti (representando o presidente Guilherme Feliciano); o defensor público-geral de Pernambuco, José Fabrício Silva; e o deputado federal Tadeu Alencar.

A solenidade ainda contou com a presença dos desembargadores aposentados Ana Schuler, Pedro Paulo Nóbrega, Ivanildo Andrade, André Genn e Valéria Sampaio.

Magistrados, servidores, familiares e amigos prestigiaram a cerimônia

Valdir Carvalho – Presidente

Nascido em Garanhuns-PE, é formado em direito pela UFPE e especialista em Relações Trabalhistas pelo Centro Internacional de Formação de Turim. Atuou como advogado trabalhista e membro do Ministério Público (MP), onde foi procurador-chefe do MPT-PB e do MPT-PE. Nomeado, em 2002, para desembargador do TRT-PE, em vaga reservada aos membros do MP, presidiu a Comissão do XVI Concurso Público para provimento do cargo de Juiz do Trabalho Substituto e atuou como vice-presidente, no biênio 2017/2019.

Dione Nunes Furtado da Silva – Vice-Presidente

Natural de São João do Sabugi/RN, concluiu graduação no curso de Direito pela Unicap. Integrou o quadro de servidores do TRT-PE, nos cargos de Auxiliar de Serviços Judiciários e de Técnico Judiciário. Em 1987, ingressou na magistratura, atuando nas Varas Trabalhistas (VT) de Arapiraca-AL, 1ª de Jaboatão dos Guararapes, Nazaré da Mata, Carpina, 12ª e 16ª do Recife. E em 2005, tornou-se desembargadora, sendo corregedora regional no biênio 2017/2019.

Maria Clara Saboya Albuquerque Bernardino – Corregedora

Natural do Rio de Janeiro-RJ, é graduada em Direito pela UFPE. Exerceu o cargo de Auxiliar Judiciário e de Técnico Judiciário no TRT-PE, onde tomou posse, em 1988, como juíza, passando pelas VTs de Arapiraca-AL, Escada-PE e 4ª do Recife. Em 2009, foi promovida a desembargadora, presidindo a Terceira Turma (2014-2016) e atuando como coordenadora da Central de Conciliação da 2ª Instância (2017-2019).

Confira mais fotos do evento.

Texto: Fábio Nunes

Fotos: Elysangela Freitas / Helen Falcão / Iris Costa