Selo 100% PJe

TRT-PE INAUGURA PJe NO FÓRUM DO CABO E CHEGA AO NÚMERO DE 21 VARAS COM NOVA PLATAFORMA

Desembargador André Genn discursa durante inauguração do PJe no Fórum do Cabo

O presidente do TRT6, desembargador André Genn, coordenou, na manhã desta quarta-feira, 30 de janeiro, no Fórum Trabalhista do Cabo de Santo Agostinho, a cerimônia de implantação do Processo Judicial Eletrônico (PJe-JT).

O presidente André Genn, reconhecido defensor das novas tecnologias e da plataforma eletrônica do Judiciário, defendeu a acessibilidade do sistema “concomitantemente pelos diversos personagens ligados a um processo”, além da economia e celeridade, da imediata disponibilização à consulta, “da inovadora forma de desenvolvimento do sistema” mediante desenvolvimento de softwares de código aberto, gratuitos. Verdadeira revolução nos procedimentos tradicionais, André Genn destacou, ainda, a necessidade de compreensão das dificuldades e dos esforços conjuntos em favor da consolidação da plataforma: “encerrando o ultrapassado modelo em que cada Tribunal representava uma ilha, isolado e sozinho na repetição de tarefas, chegamos ao salutar sentimento de unidade, pelo compartilhamento dos gigantescos benefícios trazidos por um sistema que espalha, a todo país, os aprimoramentos incorporados a cada nova versão”.

Titular da 2ª Vara do Cabo, juíza Carmen Richlin

Durante discurso, a titular da 2ª VT e diretora do Fórum do Cabo, juíza Maria do Carmo Varejão Richlin, realçou a importância da implantação da plataforma eletrônica: “Tenho a sorte histórica de testemunhar esse momento. O PJe é desafiador e a Justiça do Trabalho está em sintonia com os avanços tecnológicos”. Além disso, a magistrada fez questão de situar, não apenas a relação profissional, sobretudo a relação pessoal, de afeto, com a cidade do Cabo, vez que os avós paternos e o pai são do Cabo. O avô paterno Aniceto Varejão foi prefeito da cidade.

Advogado Severino José da Cunha ajuíza primeira ação usando o PJe

Em 2012 as duas VTs do Cabo receberam uma média de 1.300 processos. Com a implantação do PJe, todas as novas ações ingressadas a partir de então passam a tramitar somente pela plataforma eletrônica. Em apenas poucos minutos, durante a realização da solenidade, quatro ações foram ajuizadas pelo PJe. A primeira delas, distribuída na 1ª VT do Fórum Trabalhista do Cabo, foi efetuada pelo advogado Severino José da Cunha e a audiência ficou designada para o dia 10 de abril , às 8h30.

Somando-se às Varas em que o PJe já funciona, o Regional atinge agora o número de 21 unidades, com a implantação desta quarta-feira, nas duas Varas do Cabo. “Mais de três mil processos estão em andamento pelo PJe”, frisou o presidente, desembargador André Genn, anunciando a previsão de que, até o final do ano, o Processo Judicial Eletrônico esteja implantado em 84% das VTs do Regional.

Corregedora, desembargadora Gisane Araújo, e titular da 1ª Vara do Cabo, juiz Bartolomeu Alves Bezerra, descerram placa de inauguração

Participaram da solenidade a corregedora regional, desembargadora Gisane Barbosa de Araújo; os juízes titulares da 1ª e 2ª VTs do Cabo, os magistrados Bartolomeu Alves Bezerra e Maria do Carmo Varejão Richlin, respectivamente; o presidente da Amatra6, juiz André Luiz Machado; o procurador-chefe da Procuradoria Regional do Trabalho, Fábio André de Farias; a desembargadora Valéria Gondim Sampaio; o juiz auxiliar da corregedoria do TRT6, magistrado Gustavo Augusto Pires de Oliveira; o procurador-geral do município do Cabo, João Batista de Moura; o presidente da Associação de Aposentados e Pensionistas da Justiça do Trabalho, Antônio Marcelino Filho, representando, inclusive, a Astra6; a presidente da subsecção da OAB-PE, advogada Geny Pereira de Lyra, representando também o presidente da OAB-PE, Pedro Henrique Reynaldo Alves. O evento contou, ainda, com a presença de servidores, autoridades e comunidade jurídica.