Selo Ouro recebido pelo TRT6 em 2023
Selo 100% PJe
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • Galeria de fotos
  • Issuu
  • SoundCloud
  • Youtube

PRESIDENTE DO TRT-PE DESTACA IMPORTÂNCIA DO INTERCÂMBIO DE INFORMAÇÕES

Fotos: Stela Maris

Presidente do TRT-PE, desembargador Ivanildo Andrade, fala sobre a importância do evento

Na abertura da 23ª edição do Encontro da AMATRAVI (Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 6ª Região), no dia 19, em Porto de Galinhas-PE, o presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-PE), desembargador Ivanildo da Cunha Andrade, destacou a importância do Encontro para o intercâmbio de informações, o debate crítico e a busca de soluções para minimizar problemas vivenciados pela magistratura do trabalho. "Teremos a oportunidade de trocar experiências com colegas vindos de outros países, o que, por certo, será de extrema valia", concluiu. O presidente também convidou os participantes para um diálogo sobre questões administrativas do Tribunal,  que acontecerá no sábado (22), antes da Conferência de Encerramento.

Desta vez, o evento acontece simultaneamente com o V Congresso da Associação Latino Americana de Juízes do Trabalho (ALJT) e conta com a parceria da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (EJ-TRT6).

Conforme o presidente da AMATRAVI, juiz André Luiz Machado, a proposta do encontro é "analisar como as normas internacionais do Direito do Trabalho estão sendo aplicadas em toda América Latina, sempre na busca de realização do trabalho decente". Esse, conforme explica o magistrado, diz respeito tanto à remuneração e tratamento dignos, quanto ao combate ao trabalho escravo e infantil.

Presidente da AMATRA VI, juiz André Machado

Após a cerimônia de abertura, houve a conferência “Análise de conjuntura latino-americana”, ministrada pelo doutor em ciências políticas professor Emir Sader. A partir da história política e econômica desse grupo de países, que em muitos aspectos se assemelham, Sader trouxe raízes de problemas comuns como a deteriorização dos serviços sociais, situação esta que, por sua vez, levou a consequências como o alto índice de analfabetismo. No que tange aos atuais governos da América Latina, o professor levanta convergências como a prioridade das políticas sociais em detrimento do ajuste fiscal e a integração regional entre o grupo (a exemplo do Mercosul).  

Sob análise do contexto, falou sobre o que considera o embate entre a esfera do Direito e a esfera mercantil. Sobre a última, discorreu: “Hoje, seria transformar o mundo em um shopping center. Tudo tem preço, tudo se vende,  tudo se compra tudo é mercadoria”. Sader defendeu, ainda, a importância do direito ao acesso: “Igualdade não é só de distribuição de renda”. Na defesa da afirmativa, ilustrou que muitos brasileiros não têm, sequer, a oportunidade de saber se gostam de ler Vinícius de Moraes ou Machado de Assis.

Professor Emir Sader discorre sobre a conjuntura da América Latina

O Encontro da AMATRAVI se encerra no sábado, com a conferência da ministra do Tribunal Superior do Trabalho Kátia Magalhães Arruda.

A mesa solene desta quarta-feira foi composta pelo presidente do TRT-PE, desembargador Ivanildo da Cunha Andrade; a corregedora do TRT-PE, Virgínia Malta Canavarro; o presidente da Associação Nacional dos Magistrados do Trabalho (ANAMATRA), Paulo Luiz Schmidt; o presidente da Associação Latino-americana de Juízes do Trabalho, Roberto Pompa; a vice-presidente trabalhista da Associação dos Magistrados do Brasil, Maria Madalena Telesca; o coordenador da EJ6, juiz Agenor Martins Pereira; o presidente da Escola Superior de Magistratura do Trabalho, desembargador Sérgio Torres Teixeira; o procurador-chefe substituto do Ministério Público de Pernambuco, Pedro Luiz Gonçalves; a presidente da Associação dos Advogados Trabalhistas de Pernambuco, Patrícia Valença; do vice-presidente da Associação Brasileira de Advogados Trabalhistas, Marcondes Oliveira, e a representante da Academia Pernambucana do Direito do Trabalho, juíza Ana Maria Aparecida de Freitas.

Também participaram do evento o vice-presidente do TRT-PE, desembargador Pedro Paulo Pereira Nóbrega; a desembargadora Eneida Melo Correia de Araújo, o desembargador Paulo Alcantara e outros magistrados do Tribunal.