Selo 100% PJe

TRT-PE divulga balanço de nomeações e posse do Concurso de Servidores de 2012

 
A Presidência do Tribunal informa que no dia 22 de agosto de 2016 encerrou-se a validade do concurso público para provimento de cargos efetivos das carreiras judiciárias do quadro de pessoal, realizado no ano de 2012, para os cargos que não exigiram provas práticas. Esclarece que o certame permanece vigente até 24 de outubro de 2016, para os cargos de Analista Judiciário, Área Apoio Especializado, especialidades Arquitetura, Engenharia Civil e Engenharia Elétrica e para o cargo de Técnico Judiciário, Área Administrativa, especialidade Segurança.
 
Registra que este Regional nomeou, desde outubro/2012 (mês da primeira convocação, após a homologação do certame) 589 candidatos, dos quais 453 tomaram posse e entraram em exercício, da seguinte forma: 112 nos cargos de Analista Judiciário, Área Judiciária; 21 nos cargos de Analista Judiciário, Área Judiciária, Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal; 10 nos cargos de Analista Judiciário, Área Administrativa; 71 nos cargos de Analista Judiciário, Área Apoio Especializado – Especialidade Tecnologia da Informação; 01 no cargo de Analista Judiciário, Área Apoio Especializado – Especialidade Medicina (do Trabalho); 02 nos cargos de Analista Judiciário, Área Administrativa – Especialidade Contabilidade;01 no cargo de Analista Judiciário, Área Administrativa – Especialidade Odontologia; 213 nos cargos de Técnico Judiciário, Área Administrativa; 4 nos cargos de Técnico Judiciário, Área Apoio Especializado – Especialidade Tecnologia da Informação; 17 nos cargos de Técnico Judiciário, Área Administrativa – Especialidade Segurança e 01 no cargo de Técnico Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Enfermagem.
 
Do quantitativo informado, 116 servidores tomaram posse e entraram em exercício durante a atual gestão, dentre os quais, 95 servidores ocuparam os cargos de Analista Judiciário, Área Judiciária, sem especialidade; Analista Judiciário, Área Judiciária, Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal e Técnico Judiciário, Área Administrativa, sendo 85% desse último quantitativo destinado ao 1º grau de jurisdição.
 
Imagem: Simone Freitas