Selo 100% PJe

Cejusc Goiana é inaugurado nesta sexta-feira (23)

Desembargadora Nise Pedroso discursa no púlpito. Ao lado, dispositivo de honra.

O Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-PE) acaba de ganhar mais um Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Cejusc). Desta vez, a estrutura voltada para o acordo entre as partes foi inaugurada em Goiana, em cerimônia restrita por conta da pandemia e com transmissão ao vivo pelo YouTube.

Este é o sexto Cejusc da estrutura conciliatória do TRT6. Ele chega ao Fórum Trabalhista Conselheiro João Alfredo Corrêa de Oliveira quatro meses após a mudança de sede da Justiça do Trabalho em Goiana. Desde dezembro do ano passado, o Fórum está instalado em um novo prédio, mais moderno, acessível e sustentável.

O juiz titular da 2ª Vara do Trabalho da cidade, Virginio Henriques de Sá e Benevides, será o coordenador do recém-criado Centro de Conciliação. Ele destacou a importância da iniciativa no município, ainda mais em tempo de pandemia, que irá criar um “significativo aumento de ações trabalhistas, impondo aos órgãos da Justiça do Trabalho, mais do que nunca, a obrigação de voltar o foco na busca da valorização de meios de autocomposição, enfatizando a conciliação e a mediação como instrumentos efetivos de pacificação social, solução e prevenção de litígios”.

Também presente à inauguração, a desembargadora Nise Pedroso, coordenadora do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Nupemec), reforçou a importância das estruturas conciliatórias. “Esses Centros de Conciliação vêm transformando o judiciário, impondo uma mudança de mentalidade e provocando o cidadão a pensar que a solução do seu problema não passa apenas por uma sentença. As conciliações revelaram-se como ferramentas fundamentais para a pacificação das relações trabalhistas”, disse.

Participaram, ainda, da cerimônia a presidente do TRT6, desembargadora Maria Clara Saboya, o desembargador corregedor, Ruy Salathiel, a procuradora-chefe do MPT-PE, Ana Carolina Ribeboim, a presidente da Amatra6, juíza Laura Botelho, o desembargador aposentado Pedro Paulo Pereira Nóbrega, os juízes do trabalho titulares da cidade, Guilherme Mendonça (1ª VT) e Marcelo Bacallá (3ª VT), e o juiz substituto zoneado em Goiana, Levi Pereira.

Confira mais imagens da transmissão.

Conciliação

Os Cejuscs são estruturas que têm o objetivo de incentivar, promover, sistematizar e realizar as atividades de intuito conciliatório. A conciliação qualificada, promovida por equipe com preparo especializado, busca a pacificação social, promovendo o entendimento entre as partes. Isso desafoga a quantidade de processos no Judiciário e traz maior eficácia na solução de litígios, uma vez que a solução é construída conjuntamente.

Acesse trt6.jus.br/portal/quero-conciliar e saiba mais.

Matéria de teor meramente informativo, sendo permitida sua reprodução mediante citação da fonte.

Divisão de Comunicação Social
Tribunal Regional do Trabalho da Sexta Região (TRT-PE)
imprensa@trt6.jus.br
Texto: Léo machado / Imagem: Roberta Mariz