Selo 100% PJe

1ª VT de Ipojuca determina o bloqueio de quase R$ 127 milhões da Petrobras



A juíza Josimar Mendes, titular da 1ª Vara do Trabalho (VT) de Ipojuca, determinou o bloqueio de ativos financeiros da Petrobras no valor de até R$ 126.667.733,89 nesta terça-feira (25). A decisão da magistrada busca garantir o pagamento das dívidas trabalhistas de mais de quatro mil trabalhadores envolvidos na construção da Refinaria Abreu e Lima. Os ativos correspondem a ações, títulos e verbas da empresa, por exemplo, e devem ser bloqueados via BacenJud, sistema que interliga a Justiça ao Banco Central, a fim de agilizar a solicitação de informações e o envio de ordens judiciais ao Sistema Financeiro Nacional. O bloqueio deve ocorrer ainda nesta semana. Estima-se que as rescisões de contrato ultrapassem o valor de 80 milhões de reais.
 
A ação foi movida pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção de Estradas, Pavimentação e Obras de Terraplenagem em Geral do Estado de Pernambuco (Sintepav-PE). Além da Petrobras, a Alusa Engenharia S/A, o Consórcio EBE-Alusa, o Consórcio Alusa-CBM, a Empresa Brasileira de Engenharia S/A e a Construtora Barbosa Mello S/A foram requeridas no processo de número 0001413-79.2014.5.06.0191. Confira a decisão na íntegra AQUI.
 
Conciliação – Ainda nesta terça-feira (25), pela Semana Nacional da Conciliação, cinco processos foram conciliados na 1ª VT de Ipojuca. O valor arrecadado é de aproximadamente 527 mil reais, destinados ao pagamento de dívidas trabalhistas. Em apenas um processo, a família de um empregado da Usina Ipojuca, morto em acidente no ambiente de trabalho, receberá 500 mil reais de indenização por danos. A Semana da Conciliação segue até esta sexta-feira (28) em todo o estado.
 
Texto: Francisco Shimada
Ilustração: Simone Duarte