Selo 100% PJe
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • Galeria de fotos
  • Issuu
  • SoundCloud
  • Youtube

Desembargador do TRT-6 participa de eventos nacionais sobre o tráfico de pessoas

Retrato do des. Paulo Alcantara ladeado pela atriz Dira Paes e por Pureza Lopes

O desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região Paulo Alcantara esteve presente no evento Juntos contra o tráfico de pessoas e o trabalho escravo contemporâneo, nessa segunda-feira (5/12), no Conselho Nacional de Justiça e, nesta quarta-feira (7/12), compareceu à conferência Estratégias e ações para o enfrentamento e o combate ao tráfico de pessoas, no Tribunal Superior do Trabalho, ambos em Brasília (DF).

O magistrado é coordenador regional do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem, além de integrar o Comitê Estadual Judicial de Enfrentamento à Exploração do Trabalho em Condição Análoga à de Escravo e ao Tráfico de Pessoas do CNJ em Pernambuco. Em novembro deste ano, Alcantara tornou-se curador de fotos e recortes de notícias sobre a atuação de Pureza Lopes Loyola na identificação e combate ao trabalho escravo contemporâneo no Brasil e vem coordenando a restauração e digitalização do acervo. O desembargador pretende concluir a revitalização até janeiro e seguir para a residência de Pureza Lopes, no Maranhão, para entregar os itens.

No evento do CNJ, o magistrado teve a oportunidade de expor alguns desses materiais já em formato de banners. Ao final do encontro, eles foram entregues a Pureza Lopes Loyola, que estava presente para a exibição do filme Pureza, inspirado em sua história. Além dela, também compareceram o diretor do filme, Renato Barbieri, e a protagonista, Dira Paes. Todos participaram do debate após a sessão. O filme foi recebido com comoção pelos presentes.

Foto de um auditório, havendo uma conferência

Ainda no dia 5/12, foi apresentada a pesquisa Tráfico Internacional de Pessoas: Crime em Movimento, Justiça em Espera, que tomou como base os processos em tramitação na Justiça para avaliar o perfil das vítimas, dos réus e a rede de atendimento no Judiciário.

O evento do TST, por sua vez, contou com palestras da diretora interina do Escritório de Monitoramento e Combate ao Tráfico de Pessoas do Departamento de Estado dos Estados Unidos, Kari Johnstone, e o vice-presidente para as Américas da Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol), Valdecy Urquiza.

Foto de uma conferência no auditório do TST

Em Pernambuco: o desembargador Paulo Alcantara e a gerente Sênior de Programas do The Freedom Fund no Brasil, Débora Aranha, coordenaram um seminário sobre o tráfico de pessoas no dia 18 de novembro na sede do TRT-6. Na ocasião, também houve a exibição do filme Pureza, também contando com as presenças do diretor e da retratada.

Notícias relacionadas:

Participe da conferência sobre enfrentamento e combate ao tráfico de pessoas

CNJ exibe o filme “Pureza” em evento sobre tráfico de pessoas e trabalho escravo

Diretor e heroína retratada no filme Pureza participam de debate e cine sessão no TRT-6

TRT-6 sediou seminário internacional sobre o tráfico de pessoas no Brasil e nos EUA

---

Matéria de teor meramente informativo, sendo permitida reprodução mediante citação da fonte
Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-6)
Coordenadoria de Comunicação Social (CCS)
imprensa@trt6.jus.br
Texto: Helen Moreira / Foto: 
cortesia